LOCKPICKING

Nenhuma fechadura está segura com isso?


Introdução ao lockpicking

Com certeza a maioria das pessoas carregam consigo um número considerável de chaves, usaremos como exemplo inicial um chute de no mínimo 3. Você mesmo pode estar com esse objeto em seu chaveiro, carregando sua chave do carro, casa, escritório, etc. Seu chaveiro é uma apresentação clara de tecnologia que se integram aos cadeados e fechaduras.

A razão principal de usarmos fechaduras e cadeados em toda parte é a sensação de segurança. O Lock pick é utilizado principalmente por chaveiros para manipular trancas e fechaduras, mas quando assistimos algums filmes onde espiões, hackers, detetives e assaltantes podem abrir um cadeado ou fechadura facilmente, onde muitas vezes utiliza apenas um par de clipes ou grampo de cabelo, a questão que fica em nossa mente é

"será que é possível abrir um cadeado ou fechadura assim tão facilmente?!"

A cada dia que passa, observamos que o mundo de segurança exige cuidados além do mundo virtual, com isso, tecnicas de Lockpicking (arrombamento) tomam os palcos da vida real.

Como parte da cultura hacking 

"a ideia é sempre fazer a mesma coisa utilizando artifícios diferentes".

Uma breve história da chave...

Um instrumento extremamente antigo onde relatos dizem que os primeiros modelos de chaves, apareceram no Egito há cerca de 4 mil anos. Tinham um apoio para as mãos, um eixo e uma ponta dentada, que se encaixavam nas fechaduras mevendo os pistões, para então destrancar a porta. Esses primentos mecanismos eram feitos de madeira, onde inchavam com a umidade e visivelmente frágeis.

Ainda bem que o mundo não para e constante evoluções acontecem como podemos observar o que ocorreu na segunda Revolução Industrial no século XIX, onde surgiram diversos novos modelos, cada vez mais seguros e preços mais acessíveis, garantindo que todos pudessem ter o seu próprio chaveiro.

Inventores importantes surgiram, como os britânicos Robert Barron, Joseph Bramah, James Sargent e Harry Soref. Os norte-americanos Yale, pai e filho, lançaram na década de 1840 o modelo mais usado na atualidade.

O que é o Lockpicking?

Ao fazer algumas pesquisas, você entende que o lockpicking além de uma prática é também uma série de estudos contínuos de como destravar uma fechadura alem dos métodos convencionais, como por exemplo usar a chave original.

Algumas técnicas utilizadas por lockpickers são comumente vistas em locais com fechaduras, portas ou simplesmente tenham um cadeado.

Cadeados e Fechaduras

Em diversos locais que necessitam de um mínimo de segurança vemos a presença de cadeados ou fechaduras que podem ser abertos com a manipulação de alguns componentes simples que encontramos facilmente em nosso dia a dia (clipes de papel, michas, grampinho de cabelo, etc...), em posse desses objetos podemos abrir cadeados ou fechaduras sem usar métodos convencionais como a própria Chave.

Entender o funcionamento é o ponto principal,

desta maneira, primeiramente você tem que saber, como os cadeados e as chaves funcionam. Os cadeados existem de todas as formas e tamanhos, com variações e inovações dos projetos pois

"a real emoção está no desafio!."

A legislação

A legalidade do lockpicking é uma área cinzenta que varia amplamente de acordo com a jurisdição. Esta secção descreve o quadro jurídico em torno do lockpicking , enfatizando a importância das práticas éticas e a distinção entre o lockpicking legal para fins desportivos ou profissionais e atividades ilegais. Não se esqueça que temos leis sobre tudo, e dessa vez não estamos falando de natureza, e assim diz no DECRETO-LEI Nº 3.688, DE 3 DE OUTUBRO DE 1941 - Lei das Contravenções Penais;

Lei das Contravenções Penais

CAPÍLULO II

DAS CONTRAVENÇÕES REFERENTES AO PATRIMÔNIO

Art. 24. Fabricar, ceder ou vender gazua ou instrumento empregado usualmente na prática de crime de furto:

Pena – prisão simples, de seis meses a dois anos, e multa, de trezentos mil réis a três contos de réis.

Art. 25. Ter alguem em seu poder, depois de condenado, por crime de furto ou roubo, ou enquanto sujeito à liberdade vigiada ou quando conhecido como vadio ou mendigo, gazuas, chaves falsas ou alteradas ou instrumentos empregados usualmente na prática de crime de furto, desde que não prove destinação legítima:

Pena – prisão simples, de dois meses a um ano, e multa de duzentos mil réis a dois contos de réis.

Art. 26. Abrir alguem, no exercício de profissão de serralheiro ou oficio análogo, a pedido ou por incumbência de pessoa de cuja legitimidade não se tenha certificado previamente, fechadura ou qualquer outro aparelho destinado à defesa de lugar nu objeto:

Pena – prisão simples, de quinze dias a três meses, ou multa, de duzentos mil réis a um conto de réis.


A experiência

A experiência vem com o tempo, treinamento constante e uma ferramenta gratuita que chamamos de curiosidade. Podemos obter informações de qualidade em fóruns focados como por exemplo Reddit Lockpicking, e guias de estudos sobre o tema lockpicking,  ou simplesmente procurar por jogos de gazua.

Como observamos até aqui, o lockpicking é uma atividade bem antiga, mas sempre em crescimento com adeptos no mundo todo. Ao aprofundar as pesquisas um pouco mais, descobrimos uma organização chamada Toool.

A Toool fundada em 2002 em Amsterdã como sucessora do primeiro grupo holandês de lockpicking fundado em 1997, possui filiais em EUA, Reino Unido, Alemanha, Noruega, Australia, para encontro de profissionais e adeptos de tecnicas variadas para aberturas não convencionais de fechaduras.

E assim...

Agora que sabemos um pouco sobre Lockpicking teremos uma visão um pouco mais ampla sobre segurança da informação, onde não existe apenas o mundo virtual com arquivos eletrônicos e afins, mas também aquela sala com servidor, rack, gaveta ou ou ármário físico com uma fechadura ou cadeado.

A intenção do assunto mencionado neste artigo é de fato deixar aquela pulga atrás da orelha, onde nesse momento você questiona quem tem o acesso a determinadas salas, a portas ou gavetas de determinados locais, e se estes mesmos locais estão sendo ao menos monitorados.

A segurança de perímetro apresenta claramente que devemos manter a integridade da segurança física em qualquer ambiente, pois profissioais internos, externos ou apenas pessoas comuns, não estão com nenhum tipo de indicação ou "plaquinha estampada" que tem habilidades em lockpicking / gazua, com isso, após esse artigo, você entende que é necessário aprimorar cada vez mais a segurança do local e que de fato nenhuma fechadura está segura com isso.

Espero que tenha gostado do breve texto e lhe seja útil de alguma forma.

 
 

Referências